propaganda

terça-feira, 27 de novembro de 2007

1408

Título Original: 1408 (2007)
Com: John Cusack, Samuel L. Jackson, Mary McCormack e Tony Shalhoub
Direção: Mikael Håfström
Roteiro: Matt Greenberg, Scott Alexander e Larry Karaszewski (baseado em história de Stephen King)
Duração: 104 minutos


Filmes baseados em livros ou contos de Stephen King nem sempre são um bom sinal, principalmente se é de terror. Felizmente em “1408” o resultado tem boa qualidade. Aqui o terror é feito de maneira psicológica, deixando de lado o lado mais “sangrento” do gênero.

O protagonista da história é Mike Enslin (John Cusack), um escritor de livros sobre lugares mal-assombrados. Ele recebe uma carta sobre o quarto 1404 de um hotel em Nova York e resolve ir encará-lo. Lá o gerente, vivido por Samuel L. Jackson, avisa sobre os perigos do local e das mortes que já aconteceram lá. Mesmo assim Mike resolve seguir em frente.

Dentro do 1408 Mike irá enfrentar todos os seus medos e encarar todos os seus problemas do seu passado e também dos fatos ocorridos no quarto. O conflito psicológico do personagem irá atormentá-lo, num jogo para saber o quanto daquilo é real ou apenas loucura de sua cabeça.

Num show de interpretação de John Cusack, que está a maior parte do tempo sozinho na tela, o filme se desenvolve em cima desse conflito e aos poucos vamos descobrindo mais sobre sua vida. Os efeitos especiais bem feitos contribuem para transformar o quarto num lugar realmente assustador, pelo menos para o personagem.

O resultado é um bom filme de terror, mais voltado para o lado psicológico, que com uma boa atuação e uma história legal consegue garantir um bom resultado, sem tentar se aprofundar muito ou dar explicações “realistas” para o ocorrido e sem ofender a inteligência de ninguém. Afinal de contas não passa de um simples conto de terror de Stephen King e nada mais do que isso.
Postar um comentário