propaganda

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Madonna - Sticky and Sweet Tour

14 de Dezembro de 2008
Maracanã – Rio de Janeiro



Após a confusão da compra de ingresso chegou a hora de ver o show de Madonna. Pagar mais caro pela pista VIP valeu bastante a pena, fiquei bem perto do palco e vi o show todo de perto. Depois de pegar um fila enorme para entrar no estádio, consegui entrar por volta de 8 noite, horário que o show estava marcado. Meia hora depois começou o espetáculo. Alguns minutos antes do início começou a chover bastante e não parou nem mesmo após o fim da apresentação.

Quando as luzes se apagaram era sinal de que a apresentação ia começar. Um cubo gigante formado por telões que estava no meio do palco se abre e lá de dentro aparece Madonna sentada em seu trono de rainha do pop. Ela começa cantando “Candy Shop” que faz parte do último cd “Hard Candy”.

Tentar descrever a emoção de ver Madonna de perto é complicado. É incrível vê-la aos 50 anos ainda em forma e cheia de energia. Durante 2 horas ela canta, dança, pula, toca e muito mais. No início dava para ver que ela não estava muito feliz com a chuva, mas depois ela relaxou e fez piada com a situação. Em alguns momentos foi preciso que um roadie ficasse atrás da cantora segurando um guarda-chuva enquanto ela estava tocando guitarra na frente da passarela que ligava o palco ao meio do público.

O show é dividido em quatro partes. Na primeira ela tocou além da já citada “Candy Shop”, “Beat Goes On” com a presença de Kanye West e Pharrel Williams nos telões e também “Human Nature” com Britney Spears aparecendo no telão. O ponto alto foi quando aparece um carro branco de luxo que deslizou pelo palco e pela passarela levando em cima Madonna e seus dançarinos.

A segunda parte faz uma homenagem aos anos 80 com um figurino com roupas da época. Ela também usa roupas de boxeadora, fazendo alusão ao traje usado na capa do último disco. Para combinar vieram músicas da época como “Into the Groove” e “Bordeline”. Em “She´s not me” aparecem 4 modelos vestidas com roupas que marcaram a carreira da cantora. Madonna da um beijo na boca da modelo vestida de Like a Virgin. Foi nessa música também que rolou o tombo dela graças a chuva.

O terceiro bloco a idéia era homenagear os ritmos hispânicos, mas trouxe a participação de um grupo romeno que chegou até a cantar uma música própria. O grande destaque ficou por conta de “La Isla Bonita”, que contou também com "Devil Wouldn't Recognize You" e "Spanish Lesson".

A última parte começa com “4 minutes” onde Madonna canta junto com Justin Timberlake que aparece em 4 telas. Logo em seguida veio “Like a prayer”, onde Madonna continuava mantendo o público na mão, mesmo embaixo de chuva. Madonna então pede para alguém de platéia escolher a próxima música. “Express Yourself” foi a escolhida e foi cantada por ela dividindo com o público, cada um cantando uma parte.

O fim do show se aproximava e veio o momento mais “rock” da noite quando tocou“Hung Up”. A nova versão rock ficou sensacional, talvez tenha sido minha parte favorita da apresentação, com direito até a Madonna fazendo com a mão o símbolo do heavy metal (|-|). O final com “Give it to me” em total clima de festa. No final o telão mostrava a mensagem “game over”, era o fim da apresentação.

Sem dúvidas um show que irá ficar na minha memória por muito tempo. Valeu a pena todo o esforço para ir conferir. Agora é esperar sair o DVD da turnê para poder ver em casa e ficar lembrando como foi lá ao vivo.

Veja as fotos:
http://musica.uol.com.br/album/madonna_rj_album.jhtm
Postar um comentário