propaganda

domingo, 1 de julho de 2012

Amor Impossível

Título Original: Salmon Fishing in the Yemen (GBR , 2011)
Com: Ewan McGregor, Emily Blunt , Kristin Scott Thomas e Amr Waked
Direção: Lasse Hallström
Roteiro: Simon Beaufoy
Duração: 107 minutos


Nota: 3 (bom)

As distribuidoras de filmes no Brasil sempre tentam o caminho mais fácil ao usar a palavra amor na tradução de filmes que ele esteja presente na temática, apesar de deturpar totalmente o título original. Dessa forma o curioso título “Salmon Fishing in the Yemen” (pesca de salmão no Iémen) acabou se transformando em “Amor Impossível”.

O diretor holandês Lasse Hallström é especialista em dramas carregados na emoção, algumas vezes até bastante exagerada e piegas. Aqui ele se contem um pouco nas emoções num filme bastante correto e de tema interessante.

Tudo começa com a vontade do Xeique Muhammed (Amr Waked) em levar a pesca de salmão ao seu país. Então sua assistente Harriet (Emily Blunt) convida Dr. Alfred Jones (Ewan McGregor), um especialista em peixes, para ajudar. Ele acha o projeto totalmente absurdo e faz chacota do mesmo.

O pano de fundo são os conflitos do Oriente Médio e o interesse político inglês em tirar o foco da mídia desses conflitos. Assim a assessora de imprensa do primeiro ministro inglês vivida por Kristin Scott Thomas resolve investir na história da pesca de salmão no  Iémen. Então a história muda de figura e o Dr. Jones por ser funcionário do governo acaba sendo obrigado a ajudar a transformar o projeto em realidade.

O filme toca em temas interessantes como nesse foco da mídia e o interesse dos políticos em “fabricar” notícias para distrair a opinião pública. Além disso, temos um pouco sobre a cultura do Xeique e o conflito entre sua fé e a ciência do Dr. Jones.


Infelizmente a história acaba focando mais no relacionamento entre Harriet e o Dr. Jones. Ela tem um namorado recente que foi declarado sumido durante os conflitos no Oriente Médio enquanto ele passa por problemas em seu casamento. Então fica a comparação entre a dificuldade do projeto da pesca de salmão dar certo e também de acontecer um algo mais entre eles.
Mesmo assim graças ao bom trabalho do elenco, com destaque para Kristin, o filme tem um resultado positivo e funciona, apesar de não conseguir sair do lugar comum. E também pelo fato de não cair nas armadilhas de comédias românticas. O romance acaba sendo o tema principal, mas os tema de fundo são o diferencial da trama, mesmo não sendo explorados tão bem quanto poderiam.
Postar um comentário