propaganda

sábado, 1 de junho de 2013

The Goode Family

Com as vozes de: Mike Judge, Nancy Carell, David Herman, Linda Cardellini, Brian Doyle-Murray e Dee Bradley Baker
Criado por Mike Judge
Emissora: ABC


The Goode Family" é uma série de animação criada por Mike Judge, conhecido pelas animações "“Beavis and Butt-Head”" e "“O Rei do Pedaço”" e filmes como “"Idiocracy”" e “"Maré de Azar"”. Nesse programa a ideia é satirizar as famílias modernas americanas que são totalmente politicamente corretas.


Iremos conhecer a família Goode que tenta se politicamente correta em tudo. Tem um carro híbrido, são vegetarianos, fazem compras em mercados de comida orgânica e coisas do tipo. Obviamente que nem sempre da certo. Por exemplo, eles resolveram adotar uma criança africana, escolheram uma da África do Sul e receberam um menino branco, loiro e de olhos claros.

Assim iremos acompanhar o dia a dia do casal Gerald (voz do próprio  Mike Judge) e Helen (Nancy Carell) com as “dificuldades” em ser politicamente correto. Sua filha Bliss (Linda Cardellini, da série “Freaks and Geeks”) não gosta muito do estilo de vida dos pais. Já Ubuntu (David Herman), o filho adotado, é meio “inocente” e as vezes tem dificuldades em entender certas coisas.

O mais legal é o pai de Helen, Charlie (Brian Doyle-Murray), que acha esse estilo de vida deles errado e está sempre criticando. Tem também o cachorro da família chamando Che (sim, por causa dele) que é forçado a ser vegetariano, mas que fica louco quando vê um pedaço de carne.
O programa satiriza e ironiza esse estilo de vida das famílias modernas americanas discutindo sobre os limites e as dificuldades em ser politicamente correto. O estilo de humor de Mike Judge é bem interessante, apesar de eu preferir o mais ácido de “Beavis and Butt-Head”. Infelizmente a série foi cancelada após 13 episódios da 1ª temporada devido a baixa audiência. Ele foi ao ar em 2009, mas agora em 2013 foi lançado em DVD. Infelizmente ainda não existe previsão de lançamento aqui no Brasil.

Se você gosta do humor de Mike Judge e se interessa pelo tema familiar vale a pena correr atrás, ainda mais que são apenas 13 episódios de pouco mais de 20 minutos cada. Humor inteligente e divertido.
Postar um comentário