propaganda

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Sin City 2 - A Dama Fatal

Título Original: Sin City - A Dame to Kill For (EUA , 2014)
Com: Mickey Rourke, Jessica Alba, Josh Brolin, Eva Green, Joseph Gordon-Levitt, Bruce Willis, Rosario Dawson, Powers Boothe, Dennis Haysbert, Christopher Meloni, Ray Liotta, Juno Temple, Christopher Lloyd, Jaime King e Jamie Chung
Direção: Robert Rodriguez e Frank Miller
Roteiro: Frank Miller
Duração: 102 minutos

Nota: 4 (ótimo)

Demoraram 9 anos para que a continuação de “Sin City” fosse produzida e chegasse aos cinemas. O primeiro filme tinha uma excelente e impactante história. Aqui em “Sin City 2 - A Dama Fatal" talvez as histórias não sejam tão boas, mas é sempre bom voltar ao incrível mundo visual da cidade de Sin City.


Pouco coisa mudou em relação ao primeiro filme. Uma mudança no elenco: sai Clive Owen e entra Josh Brolin no papel de Dwight. E agora foi feito em 3D. Até achei interessante o uso da tecnologia que acaba dando uma beleza a mais no visual. A profundidade da uma maior riqueza aos detalhes do cenário feito por computador. Inclusive a tecnologia deu uma boa avançada também.

A história principal é a que da nome ao filme: A Dama Fatal, inspirada na HQ de Frank Miller (que mais uma vez co-dirigiu ao lado de Robert Rodriguez). As outras 2 foram escritas por Miller exclusivamente para o filme (ele escreveu o roteiro). Todas acontecem em paralelo, então vemos os personagens se encontrando ou até mesmo participando de mais de uma história como Marv (Mickey Rourke).

A trama emula no limite da caricatura um filme noir. O visual em preto e branco com alguns detalhes em colorido ajudam a criar essa atmosfera. E a mulher “misteriosa” vivida por Eva Green (novidade no elenco) é sensacional! A atriz esbanja toda a sua sensualidade numa atuação que chega perto do limite da caricatura e combina muito bem com o estilo do universo de Sin City. Ela parece estar se especializando em papéis desse tipo depois desse e da continuação de 300.

Como falei no início, o que acaba fazendo a diferença nessa continuação é que as tramas não tem o mesmo impacto do primeiro filme. Mas quem gostou do anterior tem tudo para gostar desse também.
Após 9 anos parece que o interesse do público na franquia diminuiu bastante já que o filme não foi bem nas bilheterias. Uma pena e acho que agora vai ser complicado ter mais uma continuação. Então o jeito é aproveitar o que foi feito e depois voltar a visitar o universo nas HQs.
Postar um comentário