propaganda

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Melhores filmes 2015


Talvez eu tenha sido bonzinho esse ano, mas eu gostei e me emocionei com muitos filmes em 2015. Foram ao todo 15 filmes que eu classifiquei com nota 5. Não sei o que foi mais difícil, se foi selecionar apenas 10 ou se foi colocar em uma ordem. Se duvidar é bem capaz de após publicar a lista eu ainda fique na dúvida sobre a ordem. Agora sem dúvidas o número 1 é meio óbvio e a imagem não deixa dúvidas. Mas vamos a lista:

[..] um filme bastante bonito e emocionante. Mesmo sabendo que no final das contas Philippe conseguiu realizar sua façanha sempre fica a impressão de que não vai dar certo ou de que não é possível fazer. E o fato vale mais que o filme em si, mas a experiência de chegar próximo ao que ele deve ter sentido durante a travessia vale o filme. Obrigado Robert Zemeckis por nos proporcionar isso.

O filme levanta diversas discussões interessantes, principalmente em sua parte final. Isso embalado por uma mistura de gêneros com um ótimo visual (o único defeito é o trem visto do lado de fora que não é muito bem feito, mas não chega a comprometer), e claro, um elenco muito bom com destaque principalmente para o protagonista Chris Evans que mostra muito carisma e talento para um tipo diferente de “herói”.

Felizmente Villeneuve não tenta mostrar um lado moralista ao dizer quem está certo ou errado, ou seja, se as atitudes dos personagens são ou não condenáveis. Ele mostra o conflito entre eles e mostra quais são os limites morais de cada um para lidar com a situação. Aí entra o trabalho muito bom dos atores. [..] Some isso também a uma ótima parte técnica e temos sem dúvidas um dos melhores filmes do ano. Um filme de impacto e com um senso de urgência que somente um diretor como Villeneuve conseguiria construir.

[..] pode ser que o filme “Que Horas Ela Volta?” não entre para a história do cinema brasileiro como o 1º a ganhar um Oscar, mas sem dúvidas já tem seu lugar garantido por ter conseguido de maneira excelente captar e retratar um momento importante de mudança na sociedade. E também para mostrar que sim, o cinema brasileiro tem bastante qualidade. Se conseguir mais do que isso será mais do que merecido.

Prezado Ridley Scott, obrigado por me lembrar que você ainda é aquele diretor que ajudou a definir a ficção científica com clássicos como "Alien" e "Blade Runner". E também valeu por lembrar que nem sempre os filmes do gênero precisar ser extremamente sérios ou filosóficos, eles podem ser divertidos e pop sem deixar de serem também "sérios". Me emocionei bastante com esse filme. Muito obrigado mesmo, do seu fã Ramon Prates.

Uma história simples e emocionante que consegue captar muito bem o mundo musical falando sobre quais são os limites que uma pessoa pode chegar para tentar se tornar o melhor naquilo que faz e até onde um professor pode ir para forçar seus alunos a chegar nessa perfeição e mostrar que seus métodos podem até soar absurdos, mas que de alguma forma funcionam (risos). 

Ao final do filme fica aquela sensação de estar “exausto” após acompanhar essa frenética, caótica e louca perseguição de 2 horas. Hora de parar, respirar e descansar um pouco porque a jornada foi extremamente divertida, mas “cansativa” (de forma positiva).

[..] o roteiro consegue criar uma história que é ao mesmo tempo complexa e simples ao mesmo tempo. Daquele jeito que irá funcionar para todas as idades. As cores, personagens divertidos e cenas de aventura para agradar os mais jovens, mas também todo um contexto interessante na história para os mais velhos. E é impressionante como a trama mexe com as emoções. Vai ser difícil não se emocionar com a história.

[..] um filme bastante ousado e ambicioso que consegue alcançar seus objetivos, além de ser bem divertido e interessante, sem deixar de ser inteligente, sério e crítico. [..]

[..] uma versão turbinada de Star Wars com um ritmo mais rápido e cheio de ação do jeito que J. J. Abrams sabe bem fazer e que consegue fazer emocionar com boas doses de drama ajudadas por um bom trabalho na direção dos atores. 

Menções honrosas: 
Postar um comentário