propaganda

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

A Culpa é do Fidel

Título Original: La faute à Fidel (França, 2006)
Com: Julie Depardieu, Stefano Accorsi, Nina Kervel, Benjamin Feuillet e Martine Chevallier
Direção: Julie Gavras
Roteiro: Julie Gavras e Arnaud Cathrine
Duração: 99 minutos


Nota: 3 (bom)

O filme “A Culpa é do Fidel” marca a estréia na direção de um filme de ficção de Julie Gavras, filha do cineasta grego Costa-Gavras. O roteiro escrito por ela e por Arnaud Cathrine tem um pouco de autobiografia.

A história fala sobre uma menina de 9 anos chamada Anna de la Mesa (Nina Kervel-Bey) que irá passar por problemas em se adaptar a um novo estilo de vida. Acostumada a viver numa casa grande com quintal e com alguns luxos acaba se mudando para um apartamento pequeno quando seus pais resolvem virar comunistas. A trama se passa no início da década de 70.

Assim como Anna, a diretora Julie também passou por uma situação parecida ao ser criada num lar de socialistas. Seu pai é conhecido por filmes de teor político como “Z”.

A idéia é bem interessante, mostrar o impacto dessa mudança sob o olhar de uma criança. Inicialmente ela odeia tudo, mas aos poucos vai aprendendo os valores dos pais, sempre os questionando.

Julie consegue construir um filme que consegue ser bonito e sensível sem ser piegas. Outro ponto interessante é mostrar uma criança como personagem principal de maneira mais realista. A menina não é uma “anjinha”, ela é adorável assim como também questionadora e chata.

O filme começa um pouco lento, mas aos poucos vai ganhando ritmo e vai mostrando muito bem aos poucos o processo e o impacto da mudança na menina. A jovem Nina mostra muito talento e sem dúvidas é o grande destaque do filme.
Postar um comentário