propaganda

sábado, 9 de janeiro de 2010

Coraline e o Mundo Secreto

Título Original: Coraline (EUA, 2009)
Duração: 101 minutos
Direção: Henry Selick
Roteiro: Henry Selick sobre livro de Neil Gaiman
Com as vozes de: Dakota Fanning, Teri Hatcher, Jennifer Saunders, Dawn French, Keith David, John Hodgman


Nota: 4 (ótimo)

Infelizmente quando “Coraline e o Mundo Secreto” estreou nos cinemas com cópias em 3D, ainda não existiam salas com a tecnologia aqui em Salvador. Então só vieram cópias dubladas, acabei não assistindo no cinema e conferindo somente agora em casa.

O diretor Henry Selick é mestre de animação em stop-motion, já que ele foi o responsável pela direção de “O estranho mundo de Jack” dando vida a história de Tim Burton. Dessa vez ele resolveu levar ao cinema uma obra de outro grande autor: Neil Gaiman, mas conhecido do mundo dos quadrinhos adultos.

A história de Coraline é infanto-juvenil e tem mais elementos para agradar os mais velhos do que os muito novos. O clima é um pouco sombrio. A personagem título é uma menina que se muda junto com os pais, que só querem saber de trabalhar, para um antigo casarão em alguma cidade do interior. Não muito satisfeita com a situação ela resolve explorar os arredores e conhecer a vizinhança. Ela acaba encontrando dentro de casa uma passagem para um universo mágico paralelo onde existe uma versão amorosa de seus pais e todas as pessoas tem botões no lugar dos olhos.

Além de uma história bem bacana e interessante, o grande destaque do filme é o seu visual. É incrível como a técnica de stop-motion é rica em detalhes. Os personagens e os cenários foram todos feitos a mão. E o resultado é realmente impressionante.
É uma pena eu não poder ter conferido esse filme em versão 3D, com certeza o visual deve ficar ainda mais impressionante. O resultado é uma ótima história que junto com a parte visual transforma o filme numa experiência muito agradável.
Postar um comentário