propaganda

sábado, 4 de julho de 2009

Fanboys

Título Original: Fanboys (EUA, 2009)
Com: Jay Baruchel, Dan Fogler, Sam Huntington, Chris Marquette e Kristen Bell
Roteiro: Ernest Cline e Dan Pulick
Direção: Kyle Newman
Duração: 90 minutos


Nota: 3 (bom)

Fanboys” é uma comédia sobre fãs de Star Wars que foi adiada por diversas vezes até ser lançado nos cinemas dos EUA em fevereiro desse ano e depois lançado em DVD no dia 19 de Maio, dia do aniversário de 10 anos do lançamento do “Episódio 1 – A ameaça fantasma”. Aqui no Brasil ainda não existe previsão de lançamento. O motivo de dúvidas e adiamentos no lançamento tem a ver com o potencial comercial do filme.

O filme tinha um orçamento baixo, mas depois da aprovação de George Lucas e Kevin Smith ao ver uma primeira versão fez com que o diretor Kyle Newman conseguisse dinheiro para filmar cenas adicionais. Problemas em conseguir reunir o elenco novamente para refilmagem e também dúvidas do estúdio se iria lançar ou não fizeram com que ele fosse adiado da sua data original de estréia que era 17 de Agosto de 2007.

A história se passa em 1998 e mostra 4 garotos que saíram recentemente do colégio. Um deles está com câncer, então eles resolvem colocar em prática um plano que já tinham desde crianças: invadir o rancho Skywalker. O objetivo era conseguir uma cópia do episódio 1, que só seria lançado no ano seguinte, para que o amigo doente possa assistir.

A idéia é interessante e tinha bastante potencial, mas o diretor preferiu contar a história usando várias referências ao mundo de Star Wars fazendo com que aqueles que não conhecem o universo acabem não entendendo boa parte das piadas e o filme não tenha a mínima graça, além de fazer um filme bem convencional.

Talvez tenha faltado ao diretor a ambição para elevar o filme a algo mais do que uma simples comédia sobre fãs de Star Wars. Mesmo assim o resultado é bem divertido e tem excelentes piadas, mas como foi dito somente aqueles que gostam ou conhecem o universo de Star Wars irão entender.

Não faltam também várias participações especiais de gente como Seth Rogen (em 2 papeis), Carrie Fisher (Princesa Leia), Billy Dee Williams (Lando Calrissian), Kevin Smith, Danny Trejo, e William Shatner (capitão Kirk original de Star Trek), que já valem o filme.
Confesso ter me identificado bastante com algumas coisas do filme, apesar de não ser tão fã de Star Wars quanto os protagonistas da história. Mas a idéia da história se passar antes da estréia do episódio 1 e da ansiedade em relação a isso foi muito boa, inclusive uma piada no final que me fez realmente dar valor ao filme. Afinal de contas foi a partir desse ponto que boa parte da magia de Star Wars foi abaixo graças a insanidade de George Lucas, mas isso é outra história.
Postar um comentário