propaganda

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

O Turista

Título Original: The Tourist (EUA , 2010)
Com: Angelina Jolie, Johnny Depp, Paul Bettany, Rufus Sewell, Steven Berkoff e Timothy Dalton
Direção: Florian Henckel von Donnersmarck
Roteiro: Florian Henckel von Donnersmarck, Christopher McQuarrie e Julian Fellowes baseado no roteiro de Jérôme Salle do filme “Anthony Zimmer”
Duração: 103 minutos

Nota: 1 (ruim)

O filme “O Turista” tinha tudo para ser interessante, a começar pelos envolvidos no filme. Primeiro a reunião dos protagonistas Angelina Jolie e Johnny Depp juntos pela primeira vez. Além disso, o diretor alemão Florian Henckel Von Donnersmarck (vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro em 2007 com "A vida dos outros") e os roteiristas Christopher McQuarrie ("Os suspeitos") e Julian Fellowes ("Assassinato em Gosford Park"). Some isso com belas cidades como Paris e Veneza como pano de fundo, então tinha tudo para dar certo. Infezlimente não é o que se vê na tela.

O principal problema é o roteiro. A história até tem uma premissa interessante no qual uma mulher (Jolie) é investigada, pois seu ex-amante roubou dinheiro de um gangster e sonegou impostos. Ela então recebe uma carta com instruções dele para embarcar num trem e escolher alguém parecido com ele para enganar a polícia. Sobre então para o pobre Frank (Depp), um turista americano, se envolver na confusão.

Até aí tudo bem, o filme poderia explorar bem o clima de espionagem e romance misturando cenas de ação e um pouco de comédia. Ele até tenta fazer isso, mas falha completamente. Os protagonistas não têm muita química e carisma juntos, então a fragilidade do roteiro começa a falar mais alto. Os absurdos e buracos da história começam a ganhar força, principalmente nas reviravoltas da trama. Aí o filme desce ladeira abaixo.

A cara de um dos personagens do filme no final com uma cara de “como assim, esse filme não faz sentido nenhum” é constrangedora e reflete bem a reação da audiência após o final do filme. Podia ter sido pelo menos divertido, mas nem isso ele consegue. Uma pena!
Postar um comentário