propaganda

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Muito Além do Peso

Título Original: Muito Além do Peso (Brasil, 2012)
Direção: Estela Renner
Duração: 84 minutos


Nota: 3 (bom)

O documentário “Muito Além do Peso” é um filme que denúncia um problema grave que afeta o mundo todo e que já urgente aqui no Brasil: a obesidade infantil. A diretora e roteirista Estela Renner mostra esse problema de saúde já atinge 33% da população infantil. É um daqueles filmes que deve ser mostrado em colégios, por exemplo, pelo seu didatismo e que pode gerar discussões bem interessantes.

O filme mostra entrevistas com diversas famílias e crianças mostrando quais seriam as causas do problema. Entre eles a falta de informação das pessoas, propaganda desleal dos produtos, empresas que não divulgam corretamente as informações de seus produtos, entre muitos outros.

É assustador ver o quanto as pessoas são desinformadas. A maioria das crianças não sabe que refrigerante tem muito açúcar e bebem com bastante frequência. Ou dados como 56% dos bebês com menos de 1 ano de idade já bebe refrigerante.

Mas e aí, de quem é a culpa?
O filme tenta achar alguns culpados e entrevista diversos especialistas do Brasil e do mundo a respeito do assunto. O problema atinge todas as classes sociais e é um problema mundial, não somente do nosso país.

Mas ao analisá-lo como filme, ele tem alguns problemas. Não é muito criativo e se apropria de ideias de outros materiais como a palestra do chef inglês Jamie Oliver em "Jamie's Food Revolution" do portal de palestras chamado TED que tem alguns trechos exibidos que diminuem um pouco a força dos outros entrevistados. Não se define em mostrar ou não as marcas dos produtos. A qualidade do material publicitário que foi obtido no YouTube é bem ruim. E faltou entrevistar os “culpados”. A única entrevista polêmica é o depoimento de um publicitário.
Mesmo com esses problemas o caráter de urgência da gravidade do problema é o mais importante do documentário. É um assunto que não pode mais ser ignorado e que deve ser discutido pela população, governo e grande mídia antes que se torne um problema ainda mais grave. O filme pode não ser suficiente e não ter as respostas, mas já é um pontapé inicial em tentar alertar sobre a situação.

Muito Além do Peso” foi exibido nos cinemas em circuito bem restrito no final de 2012, mas pode ser assistido e baixado no site http://www.muitoalemdopeso.com.br , que foi onde eu o assisti.
Postar um comentário