propaganda

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Agent Carter

Criado por Christopher Markus e Stephen McFeely
Emissora: ABC Studios (no Brasil exibido pelo canal Sony)
Com: Hayley Atwell, James D'Arcy, Chad Michael Murray, Enver Gjokaj e Shea Whigham

A personagem agente Carter apareceu no primeiro filme do Capitão América e era um dos mais interessantes do universo Marvel no cinema por ser uma mulher trabalhando como agente secreta nos anos 40. Depois da criação do seriado do Marvel´s Agents of S.H.I.E.L.D. a ideia de um programa dela parecia interessante. Então para cobrir as “férias” da S.H.I.E.L.D. resolveram fazer a série de tv Agent Carter

São apenas 8 episódios, então não tem muito espaço para enrolação e deu para pensar numa história fechada para cobrir toda a temporada. Iremos encontrar novamente com Peggy Carter (Hayley Atwell) após o fim da 2ª guerra mundial enquanto ela tenta voltar ao trabalho após perder o Capitão América (lembram que ele fica congelado e só acorda nos dias atuais, né?). 

O cenário dos anos 40 é interessante para o programa por mostrar uma mulher tentando mostrar que é igual aos seus colegas homens e tem que lutar contra o preconceito deles que só querem passar trabalhos triviais tipo atender o telefone ou pedir o almoço. Vale lembrar que ela é bastante competente e melhor que muitos deles. Para piorar ainda tem o fato de ser lembrada como “namoradinha” do Capitão América.

Na época ainda não existia a S.H.I.E.L.D., então ela trabalha numa agência chamada S.S.R. (Strategic Scientific Reserve). A agente Carter acaba se envolvendo numa missão complicada. Sua agência está investigando o sumiço de invenções de Howard Stark (Dominic Cooper), sim o pai de Tony Stark também conhecido como Homem de Ferro, e ele é suspeito de estar vendendo armas para os inimigos. 

Stark e Carter se conheceram durante a guerra (lembram de Capitão América?), então ele entra em contato com ela para ajudá-lo a limpar seu nome e quem roubou suas máquinas e está vendendo no mercado negro. Peggy então terá que investigar por conta própria e agir como uma agente dupla, algo bem arriscado. Ela irá contar com a ajuda de Edwin Jarvis (James D'Arcy), mordomo, motorista e faz tudo de Stark (lembram que Jarvis é o nome do computador de Tony né?).

Pronto, temos aí a trama para os 8 episódios. No momento que eu escrevi o texto já tinha assistido 6 e o negócio se provou ser bastante divertido. Algo um pouco diferente do que a Marvel já tinha feito para tv e cinema até agora. A reconstituição de época com figurino, músicas e coisas do tipo ficou bem legal. Obviamente que como o orçamento de um programa de tv é menor as cenas de ação são menores, mas funcionam bem para a proposta do programa. E Atwell mostra muito carisma como a gente Carter justificando ter um programa próprio. 
Ainda não está confirmado se teremos uma 2ª temporada, vamos ver como vai ser o desfecho da série no 8º episódio. Acho que se mantiverem esse formato de poucos episódios e ser exibido no intervalo de “férias” de Agents of S.H.I.E.L.D. tem tudo para dar certo. Se virar uma série na casa dos 20 episódios por temporada pode acabar ficando cansativo e desgastar a história. Vamos aguardar o futuro do seriado.

Agents of S.H.I.E.L.D. começou bem, mas a primeira temporada é meio irregular por usar demais a fórmula de “monstro da semana”. Agora na 2ª já melhorou bastante e está mais centrada numa história do universo Marvel desenvolvendo melhor seus personagens e introduzindo novos como Os Inumanos (que vai ter filme).
A Marvel continua investindo na televisão e em breve teremos no Netflix o programa do Demolidor. Depois de dominar o cinema eles caminham em direção da televisão. Se continuarem com a mesma qualidade da tela grande o negócio promete bastante. Por enquanto Agents of S.H.I.E.L.D. e Agent Carter já mostraram alguma qualidade, vamos aguardar o resto. E o mais legal é que tudo está de interligado, tv e cinema, cria um universo mais coeso.
Postar um comentário