propaganda

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Atração Perigosa

Título Original: The Town (EUA , 2010)
Com: Ben Affleck, Rebecca Hall, Jon Hamm, Jeremy Renner, Blake Lively, Pete Postlethwaite, Chris Cooper e Titus Welliver
Direção: Ben Affleck
Roteiro: Ben Affleck, Peter Craig e Aaron Stockard baseado no livro de Chuck Hogan (livro)
Duração: 123 minutos

Nota: 4 (ótimo)

Ben Affleck e Matt Damon começaram a carreira juntos ao escrever o roteiro do filme “Gênio Indomável” que lhes deu o Oscar na categoria, do qual eles também atuaram. Enquanto Damon teve uma carreira melhor, sabendo escolher seus filmes, Affleck seguiu pelo caminho mais fácil ao fazer alguns blockbusters de má qualidade.

Agora Affleck está tentando uma nova fase em sua carreira ao dirigir seu segundo filme chamado “Atração Perigosa”. E o desafio foi grande já que além de ser o diretor, ele também foi o protagonista e participou da elaboração do roteiro. O resultado é um ótimo filme, que não traz nenhuma novidade, mas é um drama policial acima da média.

Baseado no romance de chamado “The Prince of Thieves”, de Chuck Hogan, a história se passa em Boston, terra natal de Affleck, num bairro chamado Charlestown. O filme começa dizendo que esse bairro gera mais assaltantes de banco e carros forte nos EUA. Isso porque o “trabalho” é passado de pais para filhos.

Doug MacRay (Affleck) é o líder de um grupo de ladrões, mas ele está querendo largar essa vida. Durante um assalto a banco o grupo acaba levando Claire (Rebecca Hall de “Vicky Cristina Barcelona”), a gerente, como refém. O problema é eles descobrem depois que ela mora no mesmo bairro que eles e fica com medo que ela possa identificá-los de alguma maneira. Então cabe e Doug se aproximar dela para descobrir se ela sabe de algo. Enquanto isso o agente do FBI Adam Frawley (Jon Hamm, do seriado Mad Men) está vigiando o grupo em busca de evidências dos assaltos.

A história tem alguns clichês de filmes policiais, mas graças a um bom roteiro e um ótimo elenco de coadjuvantes, com destaque para Jeremy Renner (“Guerra ao Terror”) que vive o melhor amigo e membro do grupo de Doug, o filme acaba ganhando qualidade e saindo do lugar comum. A atuação de Renner inclusive rendeu ao ator indicação de ator coadjuvante no Oscar.

Affleck está de parabéns em sua nova fase da carreira, espero que continue assim escolhendo bem seus próximos trabalhos. Tenho inclusive que conferir seu outro filme como diretor chamado “Medo da Verdade”.
Postar um comentário