propaganda

segunda-feira, 14 de março de 2011

127 Horas

Título Original: 127 Hours (EUA / Reino Unido , 2010)
Direção: Danny Boyle
Roteiro: Danny Boyle e Simon Beaufoy baseado no livro de Aron Ralston
Com: James Franco, Kate Mara, Amber Tamblyn, Treat Williams, Kate Burton e Clémence Poésy Duração: 94 minutos

Nota: 3 (bom)

O filme “127 horas” mostra o drama de Aron Ralston, um sujeito que passou 127 horas com o braço preso entre duas rochas num cânion em Utah. Em pouco mais de 90 minutos o diretor Danny Boyle tenta retratar um pouco a situação.

Tendo apenas um personagem sozinho em cena a maior parte do tempo, a responsabilidade do filme acabou ficando em cima do ator James Franco. Sua atuação é realmente impressionante e graças a ela o filme consegue funcionar.

Apesar disso, Boyle usa de muitos outros recursos como flashbacks e o fato do personagem ter levado uma camera, com isso ele conversa com ela fazendo alguns videos, junto com uma edição bastante rápida para não deixar a história parada.

Impossível não comparar esse filme com “Enterrado Vivo”, que mostra uma situação parecida com um personagem preso e sozinho em cena. Mas aqui encontramos um dos problemas de '127 horas': a história. Talvez a trama não se sustente tão bem como em 'Enterrado', então os truques de montagem do diretor acabam dando uma aliviada nesse problema.

Confesso que achava que o filme seria mais tenso e dramático, mas apenas os últimos minutos durante o clímax é a coisa realmente fica tensa. Enquanto isso ficamos acompanhando os devaneios do personagem refletindo sobre sua vida enquanto tenta pensar em como conseguir sair da situação.

No final das contas o resultado é positivo, principalmente graças a grande atuação de Franco e seu enorme carisma. Talvez a história não funcione muito bem num filme, talvez como documentário ou o livro escrito pelo próprio Aron (no qual o roteiro se baseia) funcionem melhor.
Postar um comentário