propaganda

segunda-feira, 10 de março de 2014

Tudo por Um Furo

Título Original: Anchorman 2: The Legend Continues (EUA , 2013)
Com: Will Ferrell, Steve Carell, Paul Rudd, David Koechner, Christina Applegate, Dylan Baker, Meagan Good, James Marsden, Greg Kinnear e Kristen Wiig
Direção:  Adam McKay
Roteiro:  Will Ferrell e Adam McKay
Duração: 119 minutos

Nota: 5 (excelente)

Sem dúvidas a comédia “O  Âncora” é um dos filmes mais engraçados de Will Ferrell. Foi uma grande surpresa e alegria descobrir que eles iriam fazer uma continuação. Os filmes do comediante e de alguns outros atores da mesma “turminha” sempre tem dificuldade em estrear aqui no Brasil. Aqui a distribuidora tomou uma medida interessante. Traduziu o título para “Tudo po Um Furo”, sem mencionar que trata-se de uma continuação. Isso é bom e ruim. Bom para eles para tentar atrair um novo público que não tenha visto necessariamente o 1º filme, mas ruim por ser uma maneira de “enganar” o público. Para mim o bom mesmo foi que pelo menos o filme foi lançado no cinema o que já é uma grande notícia. Lembrando que o 1º também foi exibido no cinema no Brasil.


Mas vamos ao filme. Como se passaram 9 anos desde o 1º filme, então a trama se passa também 9 anos depois. Estamos agora no final dos anos 70. Ron Burgundy (Will Ferrell) e Veronica (Christina Applegate) agora são casados e trabalham juntos como apresentadores de um jornal. Mas ela é promovida e ele é demitido, e isso acaba com o casamento deles. Então Ron recebe uma proposta para trabalhar num novo canal de notícias 24 horas por dia (algo surreal para a época) e ele junta a sua antiga equipe novamente: Brian Fantana (Paul Rudd), Champ Kind (David Koechner) e Brick Tamland (Steve Carell).

Então se preparem para as piadas mais idiotas e divertidas seguindo a mesma linha do filme anterior e no mesmo estilo das comédias de Ferrell. O que me surpreendeu foi o conteúdo de algumas piadas relacionadas ao mundo do jornalismo que são muito boas e ácidas fazendo críticas bem interessantes. Mas nem por isso achem que o filme é “maduro”, “inteligente” ou algo do tipo, o objetivo não é esse.

Quem ganha mais espaço nessa continuação é o personagem de Steve Carell (Brick), que talvez seja o mais bem sucedido dos atores. Ele ganha um interesse romântico interpretada por Kristen Wiig que rende momentos bem surreais e idiotas, e bastante engraçados é claro.

O grande forte do filme são as piadas e a química do elenco. Até aqueles que não são necessariamente comediantes, como James Marsden, entram no jogo e se divirtem. O talento deles é tanto que o diretor Adam McKay resolveu lançar uma edição especial do filme nos EUA por 1 semana com novas piadas já que durante as filmagens eram tantas improvisações que deve ter sido bem difícil escolher qual era a melhor para entrar na edição final. Por aqui essa versão deve vir apenas no lançamento em video.
Agora sem dúvidas uma das melhores coisas do filme são as participações especiais. Melhor nem citar nenhuma para não estragar a surpresa. Mas não se preocupem que eles são sensacionais!

Tudo por Um Furo” é uma daquelas continuações que é melhor que o original. Mais engraçada, mais interessante e maior, já que são quase 2 horas de duração contra 90 minutos do 1º filme. Se você é fã de Ferrell e sua turminha o filme é imperdível. Se não conhece vale a pena arriscar, pode ser uma boa surpresa (ou não).



Obs: Infelizmente a versão exibida aqui no Brasil está com alguns cortes. Ainda não consegui descobrir o motivo. Por exemplo, tem uma cena que envolve um tubarão que foi cortada. Com certeza não foi censura. Talvez tenha sido para diminuir um pouco o tempo do filme, sei lá. Eu só achei muito estranho e sem razão.

* A Paramount Paramount Pictures Brasil através da gerente online Amanda Boaventura informou que:
- "Por decisão dos film makers, os mercados de língua inglesa tiveram uma versão diferente dos outros territórios." .
Postar um comentário