propaganda

segunda-feira, 13 de maio de 2019

Shazam!

Shazam!” é uma ótima história de origem e acerta ao misturar um tom divertido a um tom mais sério, fazendo uma boa dualidade referente ao personagem que é um adolescente que ao gritar shazam se transforma em um ser superpoderoso.

quarta-feira, 1 de maio de 2019

Vingadores: Ultimato (Avengers: Endgame)

Vingadores: Ultimato” é mais do que um filme, é a conclusão de uma saga cinematográfica de mais de 10 anos e que contou com 22 longas, construindo um universo impressionante no cinema em adaptação aos quadrinhos da Marvel. Sabendo disso, os diretores Anthony e Joe Russo quebram a expectativa e entregam uma jornada épica de 3 horas de duração, fechando os ciclos dos personagens e mexendo com a emoção do espectador, que criou laços emocionais fortes com esses heróis.

sexta-feira, 12 de abril de 2019

Vox Lux - O Preço da Fama

O que uma pessoa estaria disposta a fazer para se tornar famosa? Temos exemplos comuns, como artistas musicais, e outros extremos, como autores de massacres. “Vox Lux - O Preço da Fama”, do diretor Brady Corbet, faz um paralelo entre esses 2 tipos. Uma obra corajosa e um pouco controversa, mas que é interessante ao fazer uma análise e reflexão sobre a culto das celebridades, e também uma visão do preço que essas pessoas pagam da sua própria vida pessoal em troca do sucesso.

quinta-feira, 11 de abril de 2019

Capitã Marvel (Captain Marvel)

Capitã Marvel” marca a 1ª produção da Marvel no cinema com uma protagonista feminina e isso é muito importante para a representatividade das mulheres. O filme dirigido pela dupla Anna Boden e Ryan Fleck é uma história de origem de personagem que felizmente foge de alguns clichês, além de funcionar também como uma apresentação do início do próprio MCU (Marvel Cinematic Universe - Universo Cinematográfico Marvel, em português).

domingo, 7 de abril de 2019

Suprema (On the Basis of Sex)

O filme “Suprema” conta um pouco a história real de Ruth Bader Ginsburg, advogada e professora que lutou pela igualdade de gêneros nos Estados Unidos. A cena inicial do longa-metragem de Mimi Leder acerta em apresentar as motivações da protagonista. A mulher, interpretada por Felicity Jones, é mostrada entrando na universidade de Harvand – onde cursou direito – ao lado de diversos homens. Eles estão usando cores escuras, enquanto a vemos no meio deles com sua roupa azul, se destacando no meio dos estudantes.