propaganda

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Senhores do Crime

Título Original: Eastern Promises (2007)
Com: Naomi Watts, Viggo Mortensen, Vincent Cassel, Armin Mueller-Stahl, Jerzy Skolimowski e Mina E. Mina
Direção: David Cronenberg
Roteiro: Steven Knight
Duração: 100 minutos


Nota: 4 (ótimo)

Após trabalharem juntos em “Marcas da Violência”, o diretor David Cronenberg e o ator Viggo Mortensen repetem a parceria em “Senhores do Crime”. Se não foi dessa vez que o diretor conseguiu indicação pelo filme, pelo menos o ator Viggo conseguiu para melhor ator. Realmente o ator fez um belo trabalho, mas concorrer com Daniel Day-Lewis era complicado.

O estilo de direção de Cronenberg mudou com o passar dos anos e isso já foi notado em ‘Marcas’. ‘Senhores’ segue a mesma linha ao retratar um personagem com um passado obscuro. Dessa vez Mortensen vive um integrante da máfia russa em Londres.

A história começa com uma enfermeira, vivida por Naomi Watts, que resolve ajudar uma criança recém-nascida. A mãe morreu sem deixar nenhuma identificação, apenas um diário escrito em russo. Dentro ela descobre um panfleto de um restaurante russo e ao ir investigar acaba se envolvendo com a máfia.

O diretor continua sendo acusado de fazer filmes mais comerciais, mas isso não importa contanto que continuem tendo muita qualidade, não tem problema se é mais ou menos acessível ao grande público. Mesmo assim ele consegue colocar suas marcas. Uma delas é sempre de alguma forma tentar chocar a audiência com alguma coisa “bizarra”.

Nesses últimos filmes o elemento “bizarro” é a violência, mostrada de maneira bastante realista. Uma das cenas, uma luta em uma sauna, é de um realismo impressionante e já vale o ingresso.

A maneira como Londres é mostrada no filme é bastante autêntica e realista, evitando lugares mais conhecidos como ponto turísticos. Segundo Cronenberg a escolha dos locais de filmagem foi tão importante quanto os atores.

Uma boa história, escrita pelo roteirista Steven Knight (“Coisas belas e sujas”), somados a um bom elenco, com destaque maior para Mortensen, resultam em um ótimo filme que retrata bem o submundo da máfia russa em Londres.
Postar um comentário