propaganda

domingo, 25 de setembro de 2005

9 Canções

O filme “9 Canções” do diretor diretor Michael Winterbottom (“24 party people” ou em português “A festa nunca termina”) finalmente chega a Salvador, depois de ter causado muita polêmica na Inglaterra, seu país de origem. Isso por causa do seu conteúdo erótico, isto é, cenas de sexo explícito, mas não a ponto de classificá-lo como um filme erótico normal.

O filme gira em torno do casal Matt (Kieran O´Brien) e Lisa (a estreante Margot Stilley). A história é narrada por Matt que lembra de sua amada enquanto está em uma expedição a Antártica. Eles se conhecem em um show do Black Rebel Motorcycle Club. A estrutura da narrativa é dividida em intercalar cenas do casal em seu tórrido romance com cenas de sexo explícito e outras intimidades e conversas do casal com apresentações ao vivo de bandas, no caso 9 canções (daí o título).

As músicas são pela ordem: "Whatever Happened to Rock n' Roll" (Black Rebel Motorcycle Club); "C'mon, C'mon" (Von Bondies); "Fallen Angel" (Elbow); "Moving On Up" (Primal Scream); "You Were the Last High" (Dandy Warhols); "Slow Life" (Super Furry Animals); "Jacqueline" (Franz Ferdinand); "Nadia", do show do 60º aniversário de Michael Nyman (a única que não é rock) e "Love Burns"(Black Rebel Motorcycle Club novamente). São 8 bandas e 9 músicas.

Segundo o ator Kiearan: “Claramente não é pornográfico. É uma história de amor apenas, excitante”. Já Margot disse: “É uma história de amor apenas, excitante. A personagem é jovem, bonita, imprudente e louca. Isso atrai um amante. Não é um filme chocante. É o sexo normal que as pessoas fazem, não é pervertido".

O filme é vendido como “uma honesta história de amor”. E o convite na propaganda dele diz assim: "Para muitos, este é um dos mais puros retratos de amor já comprometidos com o cinema. Para outros, é apenas sexo e música. Decida por você mesmo". Pois é, difícil fazer uma "análise" sobre o filme. Acho que essa frase diz tudo. Só indo assistir para tirar sua própria conclusão.
Postar um comentário