propaganda

sexta-feira, 25 de novembro de 2005

Jogos Mortais 2

O filme Jogos Mortais foi uma das surpresas do cinema Americano no ano passado. Custando apenas 1,2 milhões de dólares, acabou arrecadando 55 milhões, verdadeiro sucesso do cinema independente. Não demorou muito para aproveitarem e fazer uma continuação, que simplesmente se chama “Jogos Mortais 2”. E não demorou também para chegar aos cinemas brasileiros, tanto que o primeiro passou no cinema também esse ano por aqui. Dessa vez tiveram um orçamento um pouco maior, algo em torno de 4 milhões.

Essa continuação agora está mais focada no autor dos jogos, Jigsaw (Tobin Bell), do que na engenhosidade de seus crimes. Um detetive chamado Eri Mathews (Donnie Wahlberg) acaba encontrando um armazém onde Jigsaw está escondido, seguindo a dica do seu último crime. Chegando lá ele descobre que seu filho foi colocado dentro de uma casa junto com outras sete pessoas, que estão respirando um gás venenoso e tem apenas duas horas de vida. Ele terá que seguir as regras para conseguir salvar o seu filho.

Para quem não viu o primeiro filme, ou viu e não gostou, nem tente assistir essa continuação, pois ela é inferior. Claro que o nível de brutalidade das coisas aumentou, e conseguir fazer uma trama com a mesma originalidade do primeiro ia ser complicado. Alguns dos personagens acabam não sendo desenvolvidos muito bem, algumas situações acabam soando um pouco forçadas, mas no final ele consegue ser um filme legal, capaz de criar um clima de tensão e de certa forma surpreender com uma reviravolta bem interessante. Quem gostou do primeiro com certeza deve gostar dessa continuação.

O estilo da edição e fotografia continua o mesmo. Ritmo acelerado, fotografia meio escura, efeitos visuais e alguns flashbacks, muito com a cara de um videoclipe, mantendo um clima de filme trash bem B. O elenco também não conta com nomes muito conhecidos do grande público, o que acaba ressaltando ainda mais o cilma lado B.

Fica agora uma deixa clara para uma próxima continuação, formando uma trilogia. Como a qualidade já caiu um pouco do primeiro para o segundo, não é de se esperar muito para essa terceira parte. Mas quem sabe, vamos aguardar para ver o que mais vem por aí.
Postar um comentário