propaganda

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Frost/Nixon

Título Original: Frost/Nixon (EUA, 2009)
Com: Frank Langella, Michael Sheen, Kevin Bacon, Sam Rockwell, Matthew Macfadyen, Oliver Platt, Rebecca Hall, Toby Jones
Direção: Ron Howard
Roteiro: Peter Morgan
Duração: 122 minutos

Nota 4 (ótimo)

O filme “Frost/Nixon” mostra como foi a preparação da entrevista que o ex-presidente dos EUA Richard Nixon deu ao apresentador inglês David Frost quase 3 anos após a sua renúncia ao cargo. A grande importância dessa entrevista foi o fato do apresentador ter conseguido uma espécie de confissão de culpa de Nixon, ou pelo menos uma imagem de ressentimento dele. Já diz aquele ditado: “mais vale uma imagem do que mil palavras”.

Explicando melhor a importância desse fato, Nixon tinha renunciado o cargo de presidente após o escândalo de Watergate e ganhou um perdão do novo presidente. Então ele nunca chegou a ser julgado pelo que fez.

O dramaturgo Peter Morgan transformou isso numa peça de teatro e agora adaptou a história para os cinemas. Os próprios 2 atores principais da peça, Frank Langella como Nixon e Michael Sheen como Frost, foram convocados para repetirem seus respectivos papéis no cinema. Então ficou fácil para o diretor Ron Howard realizar um ótimo filme.

O assunto não era fácil de ser abordado e poderia acabar sendo monótono, mas a ótima edição e transformar a história numa espécie de semidocumentário foram ótimas opções.

A temática do filme vai além da importância história e da política ao mostrar a “batalha” entre os personagens principais. De um lado temos o Nixon querendo aproveitar a oportunidade de tentar melhorar a sua imagem. Do outro temos Frost, que arrisca sua carreira com essa entrevista.

O diretor Ron Howard realmente surpreende nesse filme, sem dúvidas um dos melhores de sua carreira, sem apelar para o drama fácil ao seguir uma direção firme, se aproveitando muito bem dos recursos técnicos do cinema como trilha sonora e edição, equilibradas com um ótimo elenco e uma ótima história.

5 Indicações ao Oscar
Filme: Brian Grazer, Ron Howard e Eric Fellner (produtores)
Ator: Frank Langella
Diretor: Ron Howard
Edição: Mike Hill e Dan Hanley
Roteiro adaptado: Peter Morgan

Obs: Infelizmente apesar de o filme ter concorrido ao Oscar de melhor filme, isso não foi suficiente para que a distribuidora Paramount Pictures do Brasil desse importância a ele. Até agora o filme só estreou lá no Brasil no dia 6 de Março e já se foram 2 meses e nada de estrear por aqui. O jeito então foi apelar para o download.

Obs2: Só porque eu desisti de esperar, o filme finalmente estreou nos cinemas daqui de Salvador.
Postar um comentário